Está com as pernas formigando? Consulte um médico vascular!

Está com as pernas formigando? Consulte um médico vascular!

O formigamento nas pernas é uma sensação desagradável e que pode indicar problemas muito sérios. Esse pode ser um dos primeiros sintomas de diferentes doenças.

Mas quais doenças geram formigamento?

A sensação de que a região está formigando pode ser causada por muitos problemas, desde enfermidades mais simples e fáceis de serem resolvidas até disfunções mais graves e que necessitam de tratamentos complexos.

Entre os problemas mais comuns e que tendem a originalizar o formigamento, pode-se mencionar:

Varizes ou outras doenças venosas

As doenças venosas em geral e em especial as varizes são alguns dos problemas que têm como sintoma o formigamento, além das cãibras, inchaços e sensação de peso nas pernas.

Esse problema é muito comum e tende a acometer principalmente as pessoas sedentárias e aquelas que ficam um longo tempo do dia usando salto alto ou sentadas na mesma posição.

Aterosclerose

Uma outra doença que pode causar um formigamento incômodo é a aterosclerose. Quem tem esse problema sofre com o enrijecimento das artérias e a má circulação do sangue no corpo.

E quando não há corrente sanguínea suficiente nos membros inferiores, é possível que o paciente sinta que a área está formigando, além de também perceber outros sintomas.

O que fazer quando sentir um formigamento?

O mais importante é atentar-se ao sintoma e perceber se aquela sensação é momentânea ou constante. Se o formigamento passar rapidamente e não voltar, há grandes chances de não ser sintoma de doença alguma.

Mas quando a sensação volta constantemente e demora a melhorar, é imprescindível buscar ajuda médica e realizar os devidos exames para um possível diagnóstico.

Quais são os tratamentos?

O método escolhido para tratar depende muito do que foi visto nos exames feitos pelo paciente. O especialista deverá analisar os resultados e determinar qual doença está causando o formigamento. Cada problema exige um tratamento diferenciado e muito específico, podendo ser feito por remédios ou outros métodos.

Busque um especialista

Para quem está sofrendo com esse sintoma e quer investigar sua origem, nada mais indicado do que contatar uma das profissionais que mais entende desse assunto, a Dra. Andrea Klepacz. Agende uma consulta!

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *